Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
4
11 de Outubro de 2005 às 00:00
Vai exigir equilíbrios muito complicados, uma vez que os dois partidos estão em campos anta-gónicos em certas questões cruciais, como a da adesão da Turquia à UE. Por outro lado, Angela Merkel foi, de facto, magnânima na distribuição de pastas, atribuindo ministérios importantes como os Negócios Estrangeiros, as Finanças, o Trabalho ou a Justiça ao SPD e outros ministérios bem menos importantes ao seu próprio partido. Esperemos que a coligação corra bem, porque se a Alemanha estiver bem a Europa também estará.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)