Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
14 de Maio de 2004 às 00:00
SIM
Uma das regras de ouro da segurança é a discrição. É óbvio que ao chamar a atenção para os eventos que terão lugar no nosso País, Colin Powell está a dar um sinal aos terroristas. Mais, ao salientar que Portugal faz parte, desde a primeira hora, das forças de coligação que neste momento ocupam o Iraque, está a fragilizar o nosso País aos olhos de toda a comunidade islâmica. Com amigos destes, quem precisa de inimigos?
Miguel Alexandre Ganhão, Editor de Economia
NÃO
É descabido pensar-se que os terroristas vão atacar o nosso país com base em declarações de responsáveis americanos. Ou alguém será ingénuo ao ponto de achar que a al-Qaeda está à espera que a administração Bush os lembre que vem aí o Europeu de Futebol e que Portugal está no Iraque? Em organizações de fanáticos as decisões tomam-se por outros motivos – é o fundamentalismo que decide e não a análise da imprensa.
Miguel Martins, Subeditor de Sociedade
Ver comentários