Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
7
17 de Fevereiro de 2009 às 00:30

Não passa de uma aparência – do que se trataé de um persistente nivelamento por baixo, como ainda agora se viu. O FC Porto precisou que o sr.Elmano inventasse outro penálti no Dragão (são seguidinhos…) para vencer o último, e só a 4’ do fim; o Benfica, com os craques da sua defesa a apanharem bonés, que um poste o salvasse do empate no último minuto. A qualidade é que desceu. O maior goleador da prova é um brasileiro louro e desconhecido que custou 500 mil euros ao agente técnico Rui Alves.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)