Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
8
2 de Agosto de 2013 às 01:00

Recentemente algumas escuderias tiveram mesmo graves conflitos e desobediências.

O atual governo configura uma situação como esta. O chefe de equipa e os seus ministros fiéis estão claramente com menos andamento do que o seu vice. O pneu das Finanças do carro do Líder roda mesmo já careca e com risco de rebentar e desequilibrar o bólide. No entanto da central de comando em Berlim chegam ordens para que não se verifiquem ultrapassagens! Até quando aguentarão Portas, Lima e associados, o pé no travão, seguindo na ronha da austeridade em que acreditam cada vez menos? Consciente deste risco, Durão Barroso, já na grelha de partida para o pós-mandato de Presidente da Comissão Europeia, profetizou a sobrevivência desta coligação se não tiver "acidentes políticos". Também ele sabe que a fórmula é explosiva.

fórmula 1 explosiva ministros governo comissão europeia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)