Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
7
14 de Maio de 2005 às 00:00
SIM
Portugal está presente em finais europeias pelo terceiro ano consecutivo, o que mostra que o futebol é das poucas indústrias portuguesas com produtos de excelência. Nas últimas épocas habituámo-nos a um SuperPorto hegemónico. Sem Mourinho, o Porto baixou de nível, mas o campeonato ganhou competitividade. As equipas com menos recursos têm bons treinadores e alguns jogadores interessantes.
Armando Esteves Pereira, Editor Executivo
NÃO
As exibições dos chamados ‘grandes’ têm sido confrangedoras. O FC Porto, que nas últimas épocas nos brindou com um futebol de altíssimo nível, luta ainda por um lugar ao Sol. O Benfica continua na senda dos últimos anos: tenta manter-se na crista da onda. E que dizer da equipa do Sporting, capaz do melhor e do pior? Lucram, naturalmente, os mais ‘pequenos’, com grandes ‘armas’: empenho e profissionalismo.
Lurdes Mestre, Editora de Mundo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)