Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
9
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Leonardo Ralha

Impressão de ir tarde

"Foi muito gratificante, mas agora vou descansar", disse Francisco José Viegas na sexta--feira, finda a cerimónia de posse de, entre outros novos governantes, Jorge Barreto Xavier, que o substitui na Secretaria de Estado da Cultura.<br/><br/>

Leonardo Ralha 28 de Outubro de 2012 às 01:00

Sendo sempre árduo escrever sobre alguém que estimamos, o balanço de pouco mais de um ano no Palácio da Ajuda não pode deixar de ser, no mínimo, gratificante. Depois de enfrentar o preconceito dos órfãos de Ministério e a realidade da redução de verbas, fez passar a Lei Orgânica da Secretaria de Estado, resolveu a venda da Tobis e viu aprovada a Lei do Cinema.

Mais faria Viegas se pudesse continuar, mas sai com o dever cumprido e a necessidade de recuperar a saúde. E, como diria Chico Buarque, que ele já entrevistou, é possível que leve a "ligeira impressão de que já vai tarde".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)