Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
9
13 de Maio de 2009 às 00:30

Os socráticos do costume já devem ter ‘arquivado’ o Freeport meia-dúzia de vezes, pelo menos. Reincidiram no seu ‘estado de negação’ diante das desconfianças de alguns magistrados em relação a Lopes da Mota. O problema é que o Freeport é um daqueles casos em que se aplica o adágio: cada cavadela cada minhoca!

O inquérito a Lopes da Mota foi convertido em processo disciplinar – logo, existem indícios suficientes de conduta incorrecta cuja responsabilidade tem de ser aclarada. Sobretudo, importa saber se Mota agiu por si ou se houve mão atrás da mão.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)