Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
4
23 de Abril de 2010 às 00:30

SIM

A tributação das mais-valias faz-se no final de cada ano fiscal, tomando em conta o saldo líquido entre perdas e ganhos do contribuinte. Para que esse apuramento seja justo e efectivo, todas as transacções têm que estar abrangidas pela nova lei.

Miguel Alexandre Ganhão, Editor executivo

 

NÃO

Essa tributação incide sobre pessoas que tomaram decisões de venda com base no cálculo daquilo que iriam ganhar. Alterar as regras com efeitos retroactivos só se explica pela triste realidade de um Estado desesperado por encher os seus bolsos furados.

Leonardo Ralha, Editor de Cultura & Online

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)