Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
4
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Luciano Amaral

O consenso está no ar

O"consenso" é o novo shangri-lá da política portuguesa. Como a palavra não apareceu no comunicado do Conselho de Estado, diz-se que a reunião foi um desastre. Mas a verdade é que existe por aí um enorme consenso.

Luciano Amaral 24 de Maio de 2013 às 01:00

Vejamos: Passos Coelho quer ser primeiro-ministro; Portas quer que Coelho seja primeiro-ministro (mesmo se Portas, ele próprio, quer e não quer ser ministro); Seguro quer que Coelho seja primeiro-ministro, pelo menos até às autárquicas de Outubro, ou então até ao fim do "programa da troika" em Junho de 2014; mesmo o PCP e o BE querem Coelho, já que fogem do poder como Lenine fugia da cruz, e Coelho é garantido para ajudar a manter uma boa clientela de descontentes.

Eu sei que "consenso" quer dizer compromisso activo com o Governo. Só que isso já é pedir demais. Portas e Seguro podem querer o Governo em funções, mas com o propósito de fritar Coelho devagarinho. Não querem saltar para dentro da frigideira.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)