Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
4
31 de Janeiro de 2003 às 01:05
Agora discute-se petróleo, terrorismo, vítimas inocentes; valores como a vida, a democracia, a tolerância religiosa. Redistribuição da riqueza, Saddam e... os americanos. Sempre, “os americanos”.

Mais do que um povo, “os americanos” são um conceito, uma maneira de agir. Os filhos atrevidos da Europa. E quando a Europa mais precisou, onde morreram “os americanos”?

A História é tão irónica que traça agora um eixo franco-alemão de cautelas por onde esvoaça a “inteligência” europeia. Tudo contra “os americanos”. Há tempos assim, em que nós, homens com o privilégio de ter visto passar um milénio, estamos divididos. Angustiados. E cheios de dúvidas sobre Bush, esse americano.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)