Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
2
20 de Junho de 2008 às 00:30

Tudo se deverá a um ‘escândalo imobiliário’. Parece grave. Na verdade, resume-se à construção de um ancoradouro minúsculo na sua casa de férias sem a devida licença. A que acresce ter arrendado como habitação um celeiro tradicional norueguês (stabbur), com apenas 34 metros quadrados, sem o ter comunicado às autoridades locais.

Por delitos tão leves, a derrocada da sua carreira política parece um exagero. Não sei. Talvez se deva à proverbial bonomia com que por cá se encaram estas faltas que nos levam a ter de aturar políticos que fazem muito pior e ficam alegremente impunes.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)