Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
27 de Maio de 2012 às 01:00

Era escusado. Porque o mérito e a excelência de Pinto Balsemão não merecia «isso». Para Balsemão este é um prémio que «não aquenta nem arrefenta». A própria SIC, uma boa conquista da democracia audiovisual portuguesa, também não merecia passar por esse momento Oliveira Casca. Pior, os responsáveis do Jornal da Noite, talvez conscientes do incómodo da questão, decidiram emitir uma peça, assinada pelo jornalista Reinaldo Serrano, a tresandar a autojustificação, tecendo longas loas ao galardoado. Há um certo pudor que ainda faz sentido. A SIC devia ter-se poupado a isso.

(Coluna segundo as regrasdo Acordo Ortográfico)

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)