Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
2
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Manuel Catarino

Os cágados que falam

Mete dó ouvir tanta gente com carreira, poder e fortuna – boa parte também à custa da generosidade do Estado que agora tanto desprezam – aplaudir com entusiasmo o pesado fardo da austeridade.

Manuel Catarino 24 de Outubro de 2011 às 01:00

Não se imaginam nas urgências de um hospital público: têm seguro e dinheiro para o conforto da assistência privada. Muito menos se vêem num autocarro ou comboio: têm carro e motorista.

Não lhes importa, enfim, que a administração pública deixe de pagar os subsídios de férias e de Natal – medida que muito gostariam que se estendesse às empresas. Reconheço um pozinho de demagogia nesta crónica. Mas esta gente chateia--me. Muitos deles são como o cágado alcandorado na árvore: não treparam, alguém os pôs lá.

Ver comentários