Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
4
10 de Novembro de 2006 às 00:00
Para não ir mais longe: Saddam começou por pôr num tapete a efígie de Bush (pai, republicano), levou com bombas de Clinton (democrata) e acabou derrotado por Bush (filho, republicano).
Menos avisados são os amigos da ‘boa’ América que pensam que o partido democrata é uma espécie de filial da CGTP. Veremos muito em breve que assim não é e naquilo que mais interessa: os EUA continuaram a ser o único país que entendeu qual o mal principal do mundo moderno, o islamismo radical. A única coisa boa a mudar nisso é fazer com que eles deixem de ser o único país.
Ver comentários