Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
7
27 de Novembro de 2012 às 01:00
Mas não há equipa-sensação que não tenha uma figura proeminente, decisiva e inspiradora do bom desempenho dos demais. No Rio Ave, chama-se João Tomás a carta que sai fora do baralho.

No domingo, o Rio Ave foi ganhar a Setúbal por 5-3 e João Tomás, aos 37 anos, assinou o segundo ‘hat-trick’ da sua longa e profícua carreira. O primeiro acontecera há uma dúzia de anos, ao serviço do Benfica numa deslocação a Guimarães. Com os três golos marcados em Setúbal, João Tomás chegou aos 101 golos na Liga portuguesa, tornando-se no 38º jogador a entrar no Clube dos 100. Está agora a três golos de distância de Hector Yazalde e a quatro golos do registo do português Domingos Paciência. E não se vai ficar por aqui. 
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)