Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
8
13 de Outubro de 2012 às 01:00

 Como a vida se pauta por assumir contratos todos os dias, tal Instituto impôs-se, com outra nomenclatura, nos contratos de trabalho, primeiro na função publica e por intervenção do Tribunal Constitucional; e em nome da igualdade, vai estender-se a outros contratos de trabalho, via imposto. Estranho que este Instituto, que requer uma aplicação excepcional, como é excepcional o tempo que vivemos, não se tenha estendido a outras realidades contratuais, sobretudo as de média e longa duração, quer sejam Públicas, quer Privadas.

Ver comentários