Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
8
2 de Março de 2010 às 00:30

Em Alvalade, o dragão foi então varrido sem apelo por um leão que parece ter-se moralizado na competição europeia e em apenas quatro dias aplicou a chapa três a dois adversários de respeito. E a pergunta que não deixou de bailar em muitas mentes terá sido: por onde andou este Sporting? Tivesse surgido mais cedo e talvez nesta jornada não tivesse de ficar com essa sensação da sua vitória ter servido os interesses de terceiros. E, nesses terceiros, estar incluído o arqui-rival Benfica, que na véspera passara pela nortada com uma facilidade assinalável, muito à custa de um Di María, que se revelou um goleador insuspeito. Por seu lado, o Sp. Braga, que vinha de uma ‘cabazada’ no Dragão, ainda apanhou um susto mas acabou por obter uma vitória sobre o Olhanense, mostrando que ainda está aí para as curvas e assumindo-se claramente como o grande adversário do Benfica na corrida para o título.

Destaque ainda para o V. Guimarães que foi a Leiria derrotar um adversário directo, posicionando-se num quinto lugar com expectativas europeias. Mas entre o quinto e o décimo lugar há quatro pontos de diferença. O meinho do nosso campeonato está altamente disputado. Já os dois lugares da descida parecem uma disputa a quatro. Olhanense, V. Setúbal, Leixões e Belenenses, as únicas equipas abaixo da barreira dos vinte pontos.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)