Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
4
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Carlos Anjos

Pena suspensa

Chegou ao fim o julgamento de Henrique Jales, o funcionário da TVI que estava a ser julgado por ter abusado de uma menor, de 13 anos. Foi considerado culpado dos crimes que estava acusado e condenado a uma pena de cinco de anos de prisão, suspensa por igual período.<br/><br/>

Carlos Anjos 13 de Julho de 2012 às 01:00

Saiu nesse mesmo dia do Tribunal em liberdade. Jales esteve detido cerca de um ano, o tempo que mediou entre a sua detenção e a data em que foi lida a sentença. O Tribunal suspendeu a pena, porque acreditou no seu verdadeiro arrependimento, bem como que ele tudo fará para não reincidir.

Mas o mesmo Tribunal, também precisou que ninguém pode garantir que ele não volta a abusar, já que os impulsos com menores persistem. Está, no entanto, confiante que ele sabe que aqueles actos são errados e que por isso não os voltará a praticar. É um acórdão corajoso e pleno de fé na condição humana.

Esperemos sinceramente que o Tribunal esteja certo e que o arrependimento demonstrado por Jales seja verdadeiro, pois caso tal não aconteça e ele volte a reincidir neste tipo de crime, é toda a justiça e as suas decisões que serão novamente postas em causa.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)