Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
1
17 de Dezembro de 2006 às 00:00
SIM
Vários estudos apontam o futebol (a par das autarquias locais) como um dos terrenos mais férteis para a corrupção. Se a Polícia Judiciária se prepara para constituir uma unidade especializada de combate à corrupção no desporto, faz todo o sentido que quem tutela a acção penal se especialize no mesmo sentido.
Miguel Alexandre Ganhão, Editor de Economia
NÃO
O País não precisa de comissões, dispensando, por isso, os anúncios do que a Justiça diz que vai fazer. O País necessita, sim, que a Justiça lhe apresente resultados e que trate todos os casos, os mais fáceis e os mais difíceis, do futebol à política, com o mesmo empenho e, fundamentalmente, com igual competência.
Ricardo Tavares, Editor de Televisão & Media
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)