Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
9
22 de Março de 2005 às 00:00
SIM
Todas as medidas que possam contribuir para o aumento da eficácia da Justiça são bem-vindas. Com o funcionamento dos tribunais bloqueado por uma quantidade indeterminada de processos, os cidadãos, as empresas e o próprio Estado agradecem que o Governo tenha coragem de mexer em direitos tão sensíveis como estes. E, já agora, por que razão há-de haver dois meses de férias judiciais?
António Sérgio Azenha, Editor de Política
NÃO
O anúncio tem impacto, mas não eficácia. Tal medida, isolada, aos costumes nada dirá. A morosidade é, reconhecidamente, há longos anos, o calcanhar de Aquiles da Justiça, mas só pode ser combatida de forma concertada, começando-se, se calhar, pela redução do excesso de garantias, do recurso do recurso, do papel do papel. Já agora: a Assembleia da República também fechará só um mês?
Ricardo Tavares, Jornalista
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)