Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
6
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Paulo Rodrigues

Segurança em causa

Foi anunciada pelo ministro das Finanças uma série de medidas de austeridade que agravarão ainda mais a qualidade de vida dos portugueses. Simultaneamente, foram anunciados novos cortes na área da segurança.<br/><br/>

Paulo Rodrigues 6 de Outubro de 2012 às 01:00

Parece incrível que, apesar de todos os alertas feitos por diversas entidades, entre as quais a ASPP/PSP, e das notícias relacionadas com a falta de condições materiais e humanas na PSP, ainda se pense em cortar no orçamento da Instituição.

Anunciar medidas economicistas para este sector só pode significar um profundo desconhecimento ou uma enorme dose de irresponsabilidade. Menos orçamento para esta área poderá significar voltar a uma Polícia do passado, que ninguém quer recordar. Ainda reside na memória uma PSP a viver da caridade de particulares para assegurar o funcionamento ou para responder às necessidades individuais dos polícias, com reflexos no cumprimento da missão.

A ASPP/PSP não pode aceitar este cenário e reagirá a qualquer redução de orçamento que venha pôr em causa a segurança, a credibilidade ou dignidade da PSP e dos polícias.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)