Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
5
19 de Maio de 2006 às 00:00
SIM
Faz todo o sentido que Portugal, como qualquer país, tenha um sistema de comunicações integrado para todas as forças de segurança. Com estas condições tecnológicas privilegiadas, as polícias, os bombeiros, os serviços de saúde e demais serviços públicos deixam de ter razões para se queixarem de falta de meios. Ou seja, pode ser que, a partir de agora, a culpa já morra solteira.
António Sérgio Azenha, Editor de Política
NÃO
Ter serviços de comunicações eficazes é fundamental, mas custa a crer que não houvesse alternativas tão eficazes por muito menos dinheiro que os 483 milhões de euros que vai custar o SIRESP. É um grande negócio que está em causa e, apesar da poupança conseguida pelo Governo, a factura parece demasiado elevada. Mas, agora que já está lançado, espera-se que cada euro dos contribuintes seja bem gasto.
Armando Esteves Pereira, Editor Executivo
Ver comentários