Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Carlos Anjos

Submarinos

Terminou na Alemanha o julgamento do caso de corrupção relacionado com os submarinos adquiridos pelo Estado Português.

Carlos Anjos 23 de Dezembro de 2011 às 01:00

As autoridades alemãs conseguiram reunir provas para levar o caso a julgamento. Tinha grande expectativa, de forma a aquilatar as enormes diferenças entre a Justiça alemã e portuguesa no que aos crimes económicos diz respeito. Fiquei defraudado. O Tribunal deu como provado o crime de corrupção, mas as penas foram uma multa à empresa construtora e vendedora dos submarinos e dois anos de cadeia, suspensa por igual período, ou seja, uma inferior àquela que seria aplicada a um qualquer carteirista. Interessou ao Estado alemão recuperar algum dinheiro, que o momento é de crise, e para isso aplicou uma elevadíssima pena de multa, mas já as penas de prisão são idênticas àquelas que são aplicadas a pessoas que praticam este tipo de crime, um pouco por todo o mundo ocidental. Ou seja, a corrupção continua a compensar. Constatei que não estamos assim tão atrás dos outros, isto apesar de eles já terem conseguido encerrar este caso e nós não.

Ver comentários