Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
2
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

José Rodrigues

Troika à bulha

Tal como o Governo, a troika não se entende, e o verniz acabou por estalar do modo mais inesperado. Tudo começou com um relatório onde o FMI, após reconhecer que houve erros no 'resgate' à Grécia, criticou Bruxelas, acusando-a nomeadamente de só se ter preocupado com o cumprimento de regras comunitárias sem levar em conta o impacto da austeridade no crescimento económico. A Comissão Europeia rejeitou as críticas, tal como o BCE, e o comissário Olli Rehn disse mesmo, sem papas na língua, que não era justo o FMI "lavar as mãos e deitar a água suja para cima dos europeus".

José Rodrigues 10 de Junho de 2013 às 01:00

Embora os dois lados tenham depois tentado pôr ‘água na fervura’, ficou muito claro não só que andam de candeias às avessas como, pior, não sabem bem o que andam a fazer. A receita aplicada aos países sob 'resgate' é puro experimentalismo, e, embora os resultados sejam catastróficos, não há verdadeira intenção de alterar o rumo, por muito que o FMI multiplique os reconhecimentos de erros (que parecem meras tentativas de se demarcar dos seus parceiros).

É mais que altura de renegociar a sério com aqueles que são nossos credores, não nossos senhores. Hoje, Dia de Portugal, é um bom momento para lembrá-lo…

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)