Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
5
9 de Dezembro de 2008 às 00:30

Transformado num caso ao longo de meses, a chamada do impulsivo montenegrino – depois de uma espécie de ‘Perdoa-me’ do jogador nos dias anteriores – constituía, desde logo, uma das maiores atracções do Estrela da Amadora--Sporting que abriu esta rodada do campeonato.

Não jogou mais de 15 minutos, mas bastaram dois para marcar um muito festejado golo – feliz, porque sofreu ainda um ressalto nas pernas de um adversário – e para fazer do seu regresso aos relvados um marco incontornável da jornada que assinalou a entrada no segundo terço da Liga. Indiscutivelmente muito talentoso, o montenegrino pode ser um importante reforço para o Sporting, assim saiba perceber as regras de Paulo Bento.

Aos 22 anos, depois de uma passagem pela Rússia, também marcada pela indisciplina, é a hora do agora ou nunca na sua carreira.

 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)