Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
8

A rodagem da ministra

Humildade democrática está fora do dicionário político deste PS.
Eduardo Dâmaso(eduardodamaso@sabado.cofina.pt) 22 de Setembro de 2021 às 00:33
Um primeiro-ministro que relativiza as suas próprias gafes – não recuando, nem pedindo desculpa –, como aconteceu no inacreditável caso da ‘lição’ a dar à Galp, porque haveria de comentar o lamentável episódio da ministra Marta Temido, que foi num carro do Estado para um ato de campanha!?

Costa está naquela fase do ‘quero lá saber disso!’. Tudo lhe corre bem. A bazuca distribui dinheiro a rodos, o PS aproxima-se de mais uma vitória eleitoral, a nova coqueluche para a sucessão, a mesma Marta Temido, está a revelar estofo politiqueiro para prosseguir a atual linha deste PS.

António Costa e o PS repetem aquela fase de inebriamento narcísico que viveram com Sócrates. O espelho todas as manhãs lhes diz que são os mais belos e melhores entre os pares.

Tempos perigosos, para quem quiser refletir, procurar vetores de consistência e coerência políticas, fugir da navegação à vista. A rodagem de Temido a caminho de uma robusta candidatura à sucessão é prova disso, demonstrando que a humildade democrática está fora do catálogo de valores e do dicionário político deste PS.

É pena que um político brilhante como Costa se deixe ir por este caminho.
Ver comentários