Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
8

O truque de Leão

Governo aumenta salários e reformas antes das eleições.
Armando Esteves Pereira(armandoestevespereira@cmjornal.pt) 26 de Novembro de 2021 às 00:32
Armando Esteves Pereira
Armando Esteves Pereira
O Governo prepara toda a artilharia possível para agradar a grandes massas do eleitorado e aumentar as probabilidades de voto no Partido Socialista nas Legislativas do dia 30 de janeiro.

Além do aumento do salário mínimo que afeta quase 1 milhão de trabalhadores, da atualização das pensões que beneficia um universo ainda maior de cidadãos, o Executivo não se esquece dos funcionários públicos, um grupo de mais de 700 mil pessoas com impacto eleitoral decisivo.

Na entrevista publicada ontem no jornal ‘Público’, o ministro das Finanças, João Leão, explica o mecanismo que permite a atualização dos salários dos funcionários públicos. O regime de duodécimos que entra em vigor em janeiro de 2021 até à entrada em vigor do Orçamento do Estado, que terá de ser aprovado pelos deputados eleitos nas Legislativas, permite gastar em cada mês o mesmo valor da média mensal de 2021. Ora a média mensal da despesa em salário é o ordenado do mês, mais uma fração de 2/12 correspondentes aos subsídios de férias e de Natal. É com este truque simples que Leão encontra a folga para aumentar os servidores do Estado.
Ver comentários