Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
3

Uma espécie de mutação

Abrimos as portas aos adeptos ingleses com a mesma facilidade com que o Reino Unido fechou as suas aos que viajarem para Portugal, obrigando-os a quarentena no regresso.
Paulo João Santos 5 de Junho de 2021 às 00:33
Abrimos as portas aos adeptos ingleses com a mesma facilidade com que o Reino Unido fechou as suas aos que viajarem para Portugal, obrigando-os a quarentena no regresso. Um soco no estômago, numa altura em que a luz da recuperação já cintilava, perante a perspetiva de um verão inglês com lotação esgotada.

A aflição era tanta, que para garantir o regresso em força dos turistas britânicos o Governo decidiu, esta semana, desviar do Algarve os casos positivos que por ali aparecerem de cidadãos nacionais, registando-os na morada de residência do visitante.

Uma ideia tão engenhosa quanto questionável, que se arrisca agora a valer de pouco ou nada. Se não voltarmos rapidamente à lista verde do Reino Unido os prejuízos serão incalculáveis e irrecuperáveis. E tudo, dizem eles, por causa de uma espécie de uma mutação do Nepal da chamada variante indiana. Uma espécie de qualquer coisa...
Portugal Reino Unido
Ver comentários