Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
7

Costa acerta passo com deputados do PS

Vencedor das primárias socialistas quer dar autonomia ao grupo parlamentar
C.R. e Lídia Magno 10 de Outubro de 2014 às 12:45
O candidato a primeiro-ministro do PS, António Costa, foi à sede do partido
O candidato a primeiro-ministro do PS, António Costa, foi à sede do partido FOTO: António Cotrim/Lusa

Apensar no debate quinzenal com o primeiro-ministro, o autarca de Lisboa, António Costa, esteve reunido ontem com os deputados socialistas para debater a nova orientação estratégica do PS. Segundo fontes contactadas pelo CM, Costa afirmou que "pretende dar toda a autonomia à bancada", mas que passará a estar presente, com alguma frequência, na reunião, sobretudo na avaliação da situação política.

Aos jornalistas, António Costa referiu que o Governo transmite "instabilidade ao revelar dificuldade em fechar o Orçamento do Estado", remetendo para mais tarde uma tomada de posição. Uma fonte socialista contactada pelo CM lembrou que o PS não pode voltar à posição da chamada "abstenção robusta". Contudo, o tema do Orçamento nem foi abordado no encontro que durou uma hora.

Já quanto à renúncia de António José Seguro ao mandato de deputado, Costa remeteu para a esfera pessoal a decisão tomada pelo ex-líder socialista. A saída de Seguro foi referida de passagem no início dos trabalhos por Ferro Rodrigues, o novo líder parlamentar, e não voltou a ser mencionada.

Já Miranda Calha foi o nome indicado pelo PS para ocupar o cargo de vice-presidente da Assembleia da República. Ouvido pelo CM, Miranda Calha afirmou que "se sente muito honrado e emocionado" com a indicação feita pelo grupo parlamentar. Miranda Calha aguarda agora o processo eleitoral para a mesa do Parlamento.

António Costa PS parlamento
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)