Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
2

Afastamento de Dalila é crime

Marques Mendes afirmou ontem que o afastamento de Dalila Rodrigues do Museu Nacional de Arte Antiga (MNAA) “é um crime”.
29 de Agosto de 2007 às 00:00
Líder do PSD quis prestar homenagem a Dalila Rodrigues
Líder do PSD quis prestar homenagem a Dalila Rodrigues FOTO: Bruno Colaço
O líder do PSD falou no decorrer de uma visita ao MNAA, onde foi “prestar homenagem ao trabalho” da directora que cessa funções sexta-feira.
“Dalila Rodrigues fez um trabalho excepcional, captou visitantes, aumentou as receitas...”, disse Marques Mendes. “E foi sancionada e demitida”, acrescentou o líder social-democrata. “Este afastamento só pode ser interpretado com o autoritarismo e arrogância do Governo que não sabe lidar com a crítica”, considerou ainda Mendes, fazendo questão de dizer que “esta visita não tem que ver com interesses pessoais ou políticos”.
À margem deste encontro, Mendes comentou a ameaça do seu adversário às directas do PSD, Luís Filipe Menezes, de levar a questão do pagamento de quotas ao Tribunal Constitucional para dizer: “É uma arma de arremesso político, tenho mais que fazer!”
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)