Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
5

Agricultura nas mãos do CDS-PP

O sector foi motivo de atenção especial do Chefe do Estado no Dia de Portugal, e o próximo Governo terá de lhe dar destaque com a tutela "Agricultura, Mar e Território". Cavaco Silva adiantou ontem ainda que o novo Executivo, afinal, poderá tomar posse antes do dia 23 de Junho. O Presidente da República ainda não tinha sido tão claro neste prazo. Assim, é o contra-relógio nas negociações para a coligação PSD/CDS.
11 de Junho de 2011 às 00:30
Sevinate Pinto é apontado como ministeriável para a pasta da Agricultura
Sevinate Pinto é apontado como ministeriável para a pasta da Agricultura FOTO: Pedro Catarino

Os centristas sempre a reclamaram como uma das suas bandeiras – a Agricultura poderá ser uma das pastas para o CDS. Mas tudo está ainda em aberto. Porém, em Odivelas, a 16 de Maio, Passos Coelho afirmou: "O dr. Paulo Portas tem durante estes anos falado muito de Agricultura e tem mérito, não o nego. Num futuro governo vamos ver quem fica com a Agricultura, com o Mar e com o Território, mas, seja no CDS, seja no PSD, ficará bem entregue".

Os dois líderes, Passos Coelho e Paulo Portas, nada adiantam sobre as negociações. Mas se Passos pouco falou nas cerimónias do 10 de Junho, já Portas destacou o discurso presidencial colocado na necessidade de proteger a agricultura e o mundo rural. Um dos nomes que mais se fala para a pasta é Sevinate Pinto, ex-ministro da Agricultura, da área do PSD, mas que apoiou o CDS nas Legislativas. Porém, os convites ainda não foram feitos. Os contactos deverão começar a ser feitos este fim-de-semana. Na orgânica do Governo, as Obras Públicas serão integradas na Economia.

Um dos pontos difíceis das negociações é a presidência do Parlamento para Fernando Nobre.

AGRICULTURA MINISTÉRIO GOVERNO CDS PP
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)