Barra Cofina

Correio da Manhã

Política

AMÉRICA E EUROPA EM JANTAR DA NATO

Paulo Portas considerou ontem que a inclusão dos Estados Unidos e do Canadá nos jantares informais da NATO em Bruxelas é um sinal que pode marcar positivamente o futuro da Aliança Atlântica.
2 de Dezembro de 2003 às 00:00
O ministro da Defesa foi o principal impulsionador da presença norte-americana e canadiana nos até agora denominados ‘Eurodinner’, que reuniam apenas os ministros da Defesa dos países europeus membros da NATO.
Para o governante português, o alargamento do jantar informal da NATO aos Estados Unidos e ao Canadá pode significar "um futuro de maior coesão e união" dos membros da Aliança, sobretudo após as divergências suscitadas com a intervenção militar no Iraque.
Desde a fundação da Aliança Atlântica que a cimeira de Bruxelas é anualmente precedida por um jantar cuja organização é rotativa, exclusivamente reservada aos países europeus da NATO e que tem como objectivo a preparação dos trabalhos, formais, que se seguem.
No entanto, no ano em que teve a seu cargo a organização do evento, Portugal propôs mudar as regras e passar a integrar no jantar – até agora chamado ‘Eurodinner’ – os parceiros do outro lado do Atlântico.
Portas considerou não fazer sentido criar ou manter divisões no seio da NATO. "É muito mais aquilo que nos une do que aquilo que nos separa", defendeu o ministro de Estado e da Defesa no início do jantar, que terminou ao princípio da madrugada de ontem.
O encontro realizou-se em Bruxelas poucas horas após a cimeira de Nápoles em que se deram passos com vista à concretização de uma política europeia de Defesa e Segurança Comum.
Os participantes analisaram os resultados da cimeira europeia e defenderam a necessidade de tornar o sistema europeu de defesa complementar ao sistema da NATO e não de oposição à Aliança Atlântica.
O terrorismo internacional e a situação no Iraque foram outros dos temas abordados no jantar, que dominarão também os trabalhos da reunião da NATO, que decorrerá ainda durante o dia de hoje em Bruxelas.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)