Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
4

“Antecipadas inibe o agravar da crise”

O PS não está preocupado com a possibilidade da realização de eleições legislativas antecipadas, e, portanto, dois atos eleitorais no mesmo ano, já que as autárquicas terão lugar no início de outubro.
1 de Abril de 2013 às 01:00

Aliás, o líder do grupo parlamentar socialista diz mesmo que "o facto de haver eleições antecipadas apenas inibe o Governo de agravar a crise que o País atravessa, aplicando a mesma receita".

Em declarações ao CM, Carlos Zorrinho desdramatiza a situação dizendo que "a marcação de eleições antecipadas "não vai criar uma crise, porque "a crise política já existe".

O líder parlamentar do PS entende que não há drama caso o Governo se demita na sequência da moção de censura, que será votada quarta-feira na Assembleia da República, ou de um chumbo do Tribunal Constitucional (TC) de algumas normas do Orçamento do Estado para este ano. Carlos Zorrinho lembra, a propósito, que foi um governo de gestão [o último, de José Sócrates] que negociou o Memorando de Entendimento com a troika (composta pelo Banco Central Europeu (BCE), Comissão Europeia (CE) e Fundo Monetário Internacional (FMI).

Na opinião do responsável socialista – que esteve, conjuntamente com o líder do partido, António José Seguro, a elaborar o argumentário da moção de censura – "a gestão corrente do País [note-se que se o Governo cair, o País fica automaticamente em gestão] será certamente melhor do que em gestão plena".

Consciente de que a moção de censura deve ser chumbada, já que o PSD e o CDS-PP têm maioria absoluta no Parlamento, Carlos Zorrinho justifica que ela pressupõe a avaliação do ponto de vista do PS face à crise, e, portanto, tem por objetivo fazer cair o Governo. Relativamente ao apoio explícito do PCP e do BE à moção, Zorrinho vê "com satisfação" as declarações de apoio dos dois partidos da esquerda parlamentar.

PS moção de censura parlamento governo crise eleições autárquicas
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)