Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
4

António Costa reúne-se com os líderes do PSOE e do SPD

Encontros inserem-se no objetivo do candidato iniciar um processo de "concertação de posições" na União Europeia.
5 de Dezembro de 2014 às 07:29
António Costa tem defendido que Portugal tem de possuir uma "voz mais ativa", na Europa
António Costa tem defendido que Portugal tem de possuir uma 'voz mais ativa', na Europa FOTO: Mário Cruz/Lusa

O secretário-geral do PS, António Costa, reúne-se esta sexta-feira, em Lisboa, como os líderes dos socialistas espanhóis, Pedro Sanchez, e com o presidente dos sociais-democratas alemães, Sigmar Gabriel, no âmbito de uma conferência da Aliança Progressista.

António Costa faz o discurso de abertura da conferência, intitulada 'Trabalho decente e educação, investir na igualdade de oportunidades', promovida pela Aliança Progressista - movimento que congrega forças sindicais, sociais e políticas da área do centro esquerda, desde partidos democratas, sociais-democratas e socialistas.

Depois, a meio da manhã, o secretário-geral do PS encontra-se com o presidente do SPD e vice-chanceler do executivo germânico, Sigmar Gabriel, e com o líder do PSOE, Pedro Sanchez, reuniões bilaterais após as quais são prestadas declarações à comunicação social.

De acordo com fonte oficial do PS, os encontros de António Costa com Sigmar Gabriel e com Pedro Sanchez inserem-se no objetivo do candidato socialista a primeiro-ministro iniciar um processo de "concertação de posições" na União Europeia.

"Nas suas intervenções, a propósito da questão europeia, António Costa tem defendido que Portugal tem de possuir uma voz mais ativa", referiu a mesma fonte.

António Costa PS Pedro Sanchez Sigmar Gabriel
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)