Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
9

Aumentos salariais regressam ao Estado

Dez euros nos salários até aos 700 euros.
Andresa Pereira 6 de Março de 2020 às 08:41
Ministra Alexandra Leitão diz que este é o “retomar da normalidade”
Ministra Alexandra Leitão diz que este é o “retomar da normalidade” FOTO: Sérgio Lemos
O Executivo de António Costa aprovou esta quinta-feira os aumentos salariais para a Função Pública em 2020. O anúncio foi feito após a reunião de Conselho de Ministros e estabelece que os salários mais baixos, até aos 700 euros, vão ser aumentados em dez euros, ou seja, o escalão dos 635 euros passa para 645 e o dos 683 passa para 693 euros. Já os restantes funcionários públicos têm uma subida de 0,3% no rendimento mensal.

"A atualização transversal, a primeira que ocorre desde 2009, representa a retoma da normalidade das carreiras da administração pública", reiterou a ministra da Administração Pública. "Passarão a ter uma atualização salarial anual em linha pelo menos com a inflação verificada no mês de dezembro anterior", acrescentou Alexandra Leitão.

Este ano, em janeiro, as despesas com pessoal aumentaram 3,8% face a 2019 para 854 milhões de euros, o que resulta do impacto "das medidas relativas ao descongelamento das carreiras, do aumento do emprego público promovido nos últimos anos e do efeito extraordinário da reposição do tempo em algumas carreiras, que se concluirá em 2021", diz o Governo em comunicado.
As atualizações salariais são retroativas a 1 de janeiro.

PORMENORES
Greve nacional
A Frente Comum já marcou uma greve nacional para dia 20 de março, por considerar estes aumentos "ofensivos".

Devolver os aumentos
A Federação dos Sindicatos da Administração Pública (Fesap) também já tinha anunciado uma ação de protesto: vão devolver os aumentos em mealheiros.

"Fuga de cérebros"
António Costa pediu um acordo de rendimentos a longo prazo aos parceiros sociais, de forma a que não haja uma "fuga de cérebros" das gerações mais jovens e qualificadas.
Estado Função Pública Conselho de Ministros António Costa economia negócios e finanças economia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)