Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
2

Avante admite ter 100 mil pessoas com regras

Evento, organizado pelo PCP, acontece de 4 a 6 de setembro recinto Contará com mais 10 mil metros.
Andresa Pereira 5 de Agosto de 2020 às 08:26
Avante
Avante FOTO: Pedro Catarino
A um mês da Festa do Avante, o PCP já definiu as regras sanitárias para este ano, devido à pandemia, mas não estabeleceu se haverá limite na lotação. Os comunistas não excluem a possibilidade de irem à Quinta da Atalaia as habituais cem mil pessoas.

O partido está ainda a dialogar com a Direção-Geral da Saúde sobre a lotação. Alexandre Araújo, membro do secretariado do Comité Central do PCP, deixou um possível número no ar. “A Direção-Geral da Saúde conhece a lotação habitual da festa. Nós temos tido uma lotação estabelecida, do ponto de vista das licenças emitidas, que se aproxima dos 100 mil. Digamos que... bem, não digamos mais nada”, afirmou na apresentação das medidas de segurança. 


Quanto às alterações, a Festa do Avante terá mais 10 mil metros quadrados, num recinto total de 30 hectares. Para além de mais espaço, as portas vão abrir mais cedo no primeiro dia, às 16 horas, para evitar aglomerados. As atividades de cinema e de teatro, normalmente fechadas, vão passar a funcionar ao ar livre, com uma plateia maior e lugares marcados.

Os comunistas prometeram atenções redobradas ao cumprimentos das medidas sanitárias, mas apelaram à responsabilidade de quem for ao recinto de 4 a 6 de setembro.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)