Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
7

BE quer ouvir ministro das Finanças na quarta-feira

O Bloco de Esquerda (BE) vai chamar o ministro das Finanças, Fernando Teixeira dos Santos, quarta-feira ao parlamento, para este justificar as novas medidas anunciadas sexta-feira pelo Governo, disse neste sábado o líder do BE, Francisco Louçã.
12 de Março de 2011 às 18:32
Francisco Louçã acusou o Governo de ter "escondido" as novas medidas ao País
Francisco Louçã acusou o Governo de ter 'escondido' as novas medidas ao País FOTO: Lusa

"Na 4.ª feira o Governo será chamado à Assembleia da República, por via do ministro das Finanças, para explicar estas medidas e será confrontado com uma resposta imediata que é a proposta de renegociação das parcerias público-privado para proteger o Orçamento do Estado nos próximos 30 anos, do buraco de 48 mil milhões de euros", disse Francisco Louçã.  

O coordenador do BE acrescentou que a proposta de renegociação daquelas parcerias visa "poupar o dinheiro público e para usar melhor os recursos da economia".  

Francisco Louçã acusou ainda o Governo de ter "escondido" as novas medidas ao País.  

"O Governo, escassas 10 horas depois da moção de censura do BE, apresentou uma negociação que tinha durado 15 dias e já estava pronta, foi escondida ao País, na sexta-feira, com as novas medidas de austeridade: congelamento  das pensões, redução da indemnização de despedimento, ataque aos salários e uma nova degradação da economia", enumerou.  

Quanto ao anúncio de Pedro Passos Coelho, feito sexta-feira à noite, de que o PSD não vai apoiar as medidas anunciadas pelo Governo, Francisco Louçã considera que os social-democratas têm responsabilidade nas medidas que já estão a ser aplicadas.  

"O PSD, que suportou o Governo na 5.ª feira, opondo-se à moção de censura, diz agora que não quer mais medidas de austeridade. Mas os portugueses já estão a sofrer as medidas de austeridade que o PSD votou e hoje temos sobretudo uma situação de confusão política, de intriga permanente, em que o PSD não se quer opor em relação às políticas que aprovou e o PS nada quer fazer para corrigir as políticas que estão a provocar uma recessão", salientou. 

finanças teixeira dos santos bloco de esquerda be francisco louçã parlamento
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)