Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
5

CARDONA RENUNCIA AO CARGO DE DEPUTADA

A ex-ministra da Justiça Celeste Cardona anunciou, esta quinta-feira, que vai renunciar, ao cargo de deputada, eleita pelo CDS-PP, por entender que é incompatível com as funções que vai exercer como administradora da Caixa Geral de Depósitos (CGD).
30 de Setembro de 2004 às 16:33
Cardona aproveitou o período de antes da ordem do dia na Assembleia da República para subir à tribuna e, "com emoção", despedir-se dos seus colegas deputados. "É aqui que devo prestar contas daquilo que fiz e das razões porque amanhã renunciarei ao meu mandato na Assembleia da República", afirmou Celeste Cardona, lembrando que desempenha funções de deputada desde 1999 (com mandato suspenso durante os dois anos em que esteve no Governo).
A ex-ministra foi nomeada para a administração da Caixa Geral de Depósitos pelo ministro das Finanças Bagão Félix, uma decisão que tem sido criticada pela oposição e que o Bloco de Esquerda classificou como "troca de favores partidários".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)