Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
4

Carlos Silva quer manter "ótima relação" com liderança do PS

Secretário-geral da UGT apoiou a liderança de António José Seguro nas primárias do PS.
28 de Outubro de 2014 às 22:54
Carlos Silva discursa durante a sessão de encerramento do II Congresso da UGT Madeira
Carlos Silva discursa durante a sessão de encerramento do II Congresso da UGT Madeira FOTO: Homem de Gouveia/LUSA

O secretário-geral da UGT, Carlos Silva, que enquanto militante do PS apoiou a liderança de António José Seguro, manifestou-se esta terça-feira confiante de que manterá "excelentes relações" com o candidato socialista a primeiro-ministro, António Costa.

Interrogado sobre a possibilidade de as relações instituições entre a UGT e PS serem agora afetadas por ter estado na primeira linha em defesa de António José Seguro nas eleições primárias deste partido, Carlos Silva contestou essa perspetiva. "Absolutamente, de forma nenhuma, e devo dizer que as minhas relações com António Costa sempre se pautaram pela cordialidade - não confundo cordialidade com amizade - e já há muitos anos que nos conhecemos. Fiz uma opção, como fizeram muitos militantes do PS - e as minhas opções são respeitáveis, como são as de qualquer militante ou simpatizante" socialista, respondeu.

Carlos Silva falava no final de uma reunião com o Grupo Parlamentar do PS, no final da qual voltou a manifestar a sua rejeição face à proposta do Governo de Orçamento do Estado para 2015.

UGT Carlos Silva PS António José Seguro António Costa relação liderança
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)