Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
6

Cartão de crédito pagava almoços acima dos 300 €

Os gastos de 200 mil euros com cartões de crédito pagos pela Gebalis, empresa municipal de Lisboa, levou ontem o presidente da empresa e dois dos seus vogais, entre 2006 e 2007, a sentarem-se no banco dos réus.
24 de Maio de 2013 às 01:00

Há recibos de almoços e jantares superiores a 300 euros, mas Francisco Ribeiro, o ex presidente, alega despesas de trabalho.

Almoços, viagens ou livros eram pagos com os cartões e Francisco Ribeiro chegou a ter 22 500 euros de crédito disponível para gastar. Na lista de compra dos arguidos há de tudo e até existe um recibo da compra do ‘Grande Livro do Bebé’.

No banco dos réus estão ainda Clara Costa e Mário Peças. Todos arriscam prisão até 8 anos por peculato.

julgamento cartão de crédito almoço gebalis lisboa
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)