Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
6

Castro quer CDS credível e não sexy

O líder do CDS-PP, José Ribeiro e Castro, apelou ontem à concentração do partido para os desafios eleitorais de 2009, momento em que deverá apresentar-se como alternativa “credível” mas não por ser “sexy”, numa alusão à expressão usada recentemente por Pires de Lima.
2 de Abril de 2006 às 00:00
O líder do CDS-PP, José Ribeiro e Castro, quer ir a votos em 2009
O líder do CDS-PP, José Ribeiro e Castro, quer ir a votos em 2009 FOTO: Tiago Sousa Dias
O líder centrista quer dirigir o partido até 2009 e acabou por elogiar o trabalho dos deputados como oposição ao Governo.
“O trabalho do grupo parlamentar interpreta a combatividade do partido à acção do Governo”, declarou Ribeiro e Castro no final de um almoço, no Porto, com novos militantes do CDS.
Mensagem alinhada, o líder contará, seguramente, com opositores no congresso de 6 e 7 de Maio. Além de Paulo Miranda, a distrital de Santarém também apresentará uma moção global estratégica. Que implica, à luz dos regulamentos, um adversário. E não é líquido que não surjam mais candidaturas distritais.
Herculano Gonçalves foi reeleito presidente da distrital de Santarém na sexta-feira, com 156 votos a favor e 103 contra. O dirigente foi uma das vozes críticas da actual direcção e ontem pediu a demissão do líder. Segundo Gonçalves, as eleições da distrital tiveram nas mesas o chefe de gabinete de Ribeiro e Castro, Luís Lagos, na concelhia de Alcanena, e o secretário-geral, Martim Borges de Freitas, em Santarém. Facto que revela, de acordo com aquele dirigente, o “empenho, inédito”, da direcção em derrotá-lo.
O secretário-geral, que ajudou a preparar o acto eleitoral para evitar novos imbróglios processuais, considera que as eleições decorreram com toda a normalidade.
Para aquecer um pouco mais o ambiente, Lobo Xavier afirmou no programa ‘Outras Conversas’, da SIC Notícias, que “está convencido” de que existe, “algures no grupo parlamentar”, um projecto a ser preparado fora da direcção, mas recusou qualquer envolvimento institucional da bancada.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)