Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
2

Cavaco desafia portugueses a "vencerem previsões negativas"

O Presidente da República, Cavaco Silva, desafiou nesta sexta-feira os portugueses a "vencerem as previsões negativas" do Banco de Portugal (BP) para a economia nacional em 2012.
7 de Outubro de 2011 às 16:48
"Não será possível fazer com que a realidade venha a ser melhor?", questionou Cavaco
'Não será possível fazer com que a realidade venha a ser melhor?', questionou Cavaco FOTO: Paulo Novais/Lusa

Em Oliveira do Bairro, distrito de Aveiro, Aníbal Cavaco Silva disse que a possibilidade de contrariar, "já em 2011", as previsões "bastante negativas" do Banco de Portugal, "vai depender muito da atitude dos portugueses". 

"Não será possível fazer com que a realidade venha a ser melhor?", questionou, explicando que esta e outras perguntas lhe "foram dirigidas por alguns portugueses" desde quinta-feira.  

A recessão no próximo ano será mais profunda, segundo o Banco de Portugal, que quinta-feira agravou a sua projecção para uma contracção de 2,2 por cento, quando antes esperava uma quebra de 1,8 por cento, tal como a 'troika'. 

"Gostaria que os portugueses assumissem o desafio de vencerem as previsões para 2011 e 2012", insistiu Cavaco Silva, ressalvando, no entanto, as previsões do BdP "são feitas por gente altamente qualificada".  

O Presidente da República admitiu que será possível imprimir à economia nacional uma dinâmica que acabe por contrariar as projeções do Banco de  Portugal para 2012.  

"É preciso que trabalhemos mais, que trabalhemos com qualidade, que  tenhamos mais força", enfatizou.  

cavaco pr presidente bdp pessimismo economia conjuntura
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)