Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
2

Cavaco: "Lisboa tem de inverter a lógica do despovoamento"

O Presidente da República, Cavaco Silva, defendeu este sábado, num discurso durante as comemorações do 10 de Junho, que Lisboa tem de definir prioridades para o seu futuro e "tem de inverter a lógica do despovoamento".
9 de Junho de 2012 às 12:32
Cavaco Silva, Presidente da República
Cavaco Silva, Presidente da República FOTO: Pedro Catarino / Correrio da Manhã

Por outro lado, na sessão solene de boas vindas da Câmara Municipal de Lisboa, no Pátio da Galé, Cavaco Silva apelou à "mobilização cívica" dos lisboetas, pedindo-lhes "um maior cuidado na protecção da sua cidade" e um "maior civismo na segurança e na limpeza das ruas".

No início da sua intervenção, Presidente da República lembrou que a capital o acolheu há 55 anos "como estudante vindo dos Algarves" e saudou a reorganização administrativa de Lisboa, considerando-a "um exemplo" para todo o país.

Depois de elogiar a "luz suave", os "contrastes" e o património de Lisboa, Cavaco Silva considerou que a capital "beneficia ainda da circunstância de ser, em simultâneo, um eixo de várias centralidades e uma periferia que serve de ponte ao diálogo com o Atlântico".

"Cidade ágil e aberta, o seu destino é transformar a periferia em centralidade, juntando aquilo que o mar divide. Cidade de imensas potencialidades, Lisboa tem de inverter a lógica do despovoamento. Muito há a fazer. Acima de tudo, temos de olhar o futuro", acrescentou.

Cavaco Silva presidente 10 de Junho Dia de Portugal comemorações despovoamento
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)