Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
5

Cavaco Silva: "Nunca tive nenhuma amizade com Ricardo Salgado"

Ex-presidente afasta ligações ao antigo banqueiro e diz desconhecer detalhes do financiamento.
Wilson Ledo e Diana Ramos 5 de Julho de 2019 às 01:30
A carregar o vídeo ...
Antigo Presidente da República negou ter conhecimento de esquema do BES para financiar campanha.
"Eu nunca tive nenhuma amizade com Ricardo Salgado." A garantia foi dada por Cavaco Silva, depois de a revista ‘Sábado’ ter revelado que a campanha do ex-presidente, em 2011, foi financiada pelo saco azul do Grupo Espírito Santo.

Visivelmente irritado, o ex-chefe de Estado garantiu aos jornalistas que nunca se envolveu nas contas partidárias. "Nunca acompanhei os financiamentos das campanhas em que participei", frisou.

Mas foi quando o CM questionou Cavaco sobre se a amizade com Ricardo Salgado influenciou as afirmações que fez, em 2014, de que os portugueses podiam confiar no banco que o antigo presidente se irritou. "Eu nunca tive nenhuma amizade com o Ricardo Salgado", começou por dizer. Depois, começou a caminhar, mas voltou atrás para precisar: "as minhas memórias contam palavra por palavra tudo o que fiz".

Ao CM, Vasco Valdez, mandatário financeiro de Cavaco, também afiançou que o ex-presidente "nunca interferiu" na parte financeira da campanha.

Em causa estão estão 253 360 euros em doações de altos quatros do universo Espírito Santo, como Salgado ou Morais Pires, que levantam agora suspeitas. Os responsáveis fizeram donativos individuais que terão sido, depois, devolvidos através da ES Enterprises, o saco azul do GES. Assim, foi contornada a lei que proíbe doações feitas por empresas.

PORMENORES
Justiça investiga
O Ministério Público investiga se houve financiamento ilegal, mesmo que o crime já tenha prescrito. Há suspeitas de fraude fiscal e branqueamento.

Fiscalização não percebeu
O alegado esquema não levantou suspeitas à Entidade das Contas e Financiamentos Políticos, que analisou as contas desta segunda corrida a Belém.

Tomada de posição
Em 2014, antes da queda do BES, Cavaco Silva veio dizer publicamente que os portugueses podiam "confiar" no banco.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)