Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
6

CDS congratula-se com "crescimento" e "penalização" do PSD

O dirigente democrata-cristão João Almeidacc e a "penalização" do PSD que revelaram os resultados obtidos até cerca das 20h00 nas eleições regionais na Madeira.
9 de Outubro de 2011 às 20:24
João Almeida congratulou-se este domingo com o "crescimento" do CDS
João Almeida congratulou-se este domingo com o 'crescimento' do CDS FOTO: Mariline Alves

"O que nós vemos dos resultados que vieram até agora é que há uma correspondência muito significativa entre a penalização do Governo regional e o crescimento do CDS. Isso é a prova de que o nosso objectivo está a ser atingido", afirmou João Almeida aos jornalistas.

O objectivo do CDS é "o crescimento", sublinhou, sendo que nas últimas eleições o partido foi a quarta força política mais votado, elegendo dois deputados.

Questionado sobre uma eventual coligação com o PSD na Madeira caso os sociais-democratas percam a maioria absoluta, João Almeida respondeu que "o que é fundamental, haja ou não maioria absoluta", é que haja "uma verdadeira fiscalização do Governo Regional".

As condições financeiras da Madeira foram alteradas em função de uma governação irresponsável do PSD, mas a partir deste momento, as condições do exercício da democracia também têm que mudar na Madeira", declarou.

"Não é possível que se continuem a passar coisas que se passam na Madeira, tem que haver uma verdadeira fiscalização do Governo Regional, seja ele qual for, e, para isso, o CDS contribuirá seja qual for a posição que obtiver", defendeu.

madeira cds-pp joão almeida psd eleições
Ver comentários