Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
9

CGD vai liderar crédito para relançar economia

Medida extraordinária anunciada após Conselho de Ministros extraordinário.
23 de Abril de 2013 às 16:38
Álvaro Santos Pereira
Álvaro Santos Pereira FOTO: LUSA / JOSE COELHO

O Governo apresentou esta terça-feira um documento que pretende servir de "memorando de crescimento e emprego" para o país e que engloba, por exemplo, a criação de uma "instituição financeira especializada" no financiamento das Pequenas e Médias Empresas (PME).

O documento, divulgado após um Conselho de Ministros extraordinário dedicado ao tema, destaca a criação de uma "Carta Missão" para a Caixa Geral de Depósitos (CGD) reforçar o "papel no financiamento à economia".

"A CGD deve liderar a concessão de crédito à economia, às PME", declarou o ministro da Economia, Álvaro Santos Pereira, na apresentação do documento que será agora enviado aos parceiros sociais e restantes partidos políticos.

Uma "reforma profunda e abrangente do IRC, com redução progressiva das taxas aplicáveis", bem como o lançamento de uma linha de apoio às exportações num valor até mil milhões de euros, 500 milhões dos quais a disponibilizar desde já, são também medidas apresentadas esta terça-feira pelo Governo.

O ministro da Economia enalteceu também a necessidade de consolidar o tecido empresarial, agilizando as fusões e aquisições, e reduzir a burocracia, com o "simplificar" dos licenciamentos e sistemas de incentivos.

O Governo quer também privilegiar a afetação dos fundos estruturais no quadro 2014-2020 para apoiar a competitividade das empresas portuguesas.

economia governo instituição financeira memorando
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)