Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
8

COMISSÃO EUROPEIA NÃO LIMITA DURAÇÃO DO TRANSPORTE DE ANIMAIS

A Comissão Europeia apresentou ontem uma proposta sobre o transporte de animais vivos que não limita a duração das viagens, como exigem as associações de defesa dos direitos dos animais.
17 de Julho de 2003 às 00:00
A falta de referência ao tempo das viagens foi considerada "uma omissão grave" pelo Eurogrupo para o Bem- -estar Animal - no qual se reúnem associações de vários países da União Europeia -, que defende não deverem os percursos exceder oito horas.
Em comunicado, o Eurogrupo congratula-se com outras medidas adoptadas pela Comissão, relativas nomeadamente à formação dos condutores de veículos de transporte, bem como à necessidade de ventilação destes e às condições de transporte dos cavalos.
Aquele grupo de pressão lamenta, contudo, que a Comissão continue a recusar a ideia de que o transporte de longa distância de animais para o matadouro é "moralmente errado" e gera "enorme sofrimento, já que as regras são, e continuarão a ser, ignoradas por muitos transportadores, que não são obrigados a cumpri-las pelos Estados-membros". A este propósito, David Wilkins, director do Eurogrupo, representado em Portugal pela Liga Portuguesa dos Direitos do Animal, referiu-se aos estudos realizados ao longo dos anos, demonstrando que "os animais sofrem durante as viagens longas".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)