Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
5

Comissária contra parque

A dinamizadora da candidatura da Baixa Pombalina a Património da Humanidade, Raquel Henriques da Silva, ameaça demitir-se do Comissariado da Baixa-Chiado caso a Câmara de Lisboa avance com a construção do parque de estacionamento subterrâneo no Largo Barão de Quintela; obra que, segundo a investigadora, “é um torpe e inútil crime” e demonstra “que os autarcas, que elegemos, continuam a não saber governar a cidade histórica”.
16 de Maio de 2006 às 00:00
Maria José Nogueira Pinto
Maria José Nogueira Pinto FOTO: Pedro Catarino
A posição de Raquel Henriques da Silva, expressa num artigo de opinião publicado no jornal ‘Público’, caiu mal junto do executivo camarário que no próximo dia 22 vai reunir com o comissariado para conhecer o plano preliminar para a Baixa-Chiado.
E nessa reunião será avançada uma proposta alternativa à construção do dito parque, adiantou ontem ao CM, a vereadora Maria José Nogueira Pinto, mentora do comissariado.
Ver comentários