Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
6

Declamador de poesia quer disputar liderança do PSD com Passos Coelho

O declamador de poesia Nuno Miguel Henriques anunciou esta terça-feira a intenção de disputar a liderança do PSD com Pedro Passos Coelho, por entender que este deve deixar esse cargo e dedicar-se exclusivamente ao de primeiro-ministro.

27 de Dezembro de 2011 às 18:34
Nuno Miguel Henriques tem onze CD de poesia editados
Nuno Miguel Henriques tem onze CD de poesia editados FOTO: d.r.

Para ser candidato à liderança do PSD nas eleições directas de 3 de Março do próximo ano, Nuno Miguel Henriques, terá de reunir 1500 assinaturas de militantes sociais-democratas e apresentá-las até ao dia 28 de Fevereiro.

Em conferência de imprensa, num hotel de Lisboa, este licenciado em ciências sociais, de 38 anos, consultor de imagem e declamador de poesia, natural da Covilhã, afirmou que "obviamente" tem apoios suficientes para isso e que quer ser "levado a sério".

Em 2008, Nuno Miguel Henriques foi director de campanha e mandatário nacional do candidato à liderança do PSD Mário Patinha Antão, mas abandonou essa candidatura antes das eleições e foi depois dado como apoiante de Pedro Santana Lopes.

Membro da Assembleia Municipal do Fundão e da comissão política concelhia social-democrata de Torres Vedras, Nuno Miguel Henriques fez o anúncio de que tenciona candidatar-se às directas de 3 de Março numa das salas de um hotel de quatro estrelas onde se realizam habitualmente as reuniões do Conselho Nacional do PSD, perante meia dúzia de jornalistas.

"Esta candidatura preconiza um objectivo primordial: a libertação do primeiro-ministro de Portugal da obrigação de ser em simultâneo presidente do PSD", justificou, defendendo que "o presidente do PSD deve estar disponível a tempo inteiro para as funções político-partidárias junto dos militantes e simpatizantes do PSD".

Nuno Miguel Henriques alegou que sabe "aquilo que é bom para o país, principalmente para o PSD" e que conta "com alguma colaboração de militantes um pouco por todo o país", tendo já começado a recolher as 1500 assinaturas necessárias para formalizar a sua candidatura.

Questionado se não teme não ser levado a sério, respondeu: "Por que não? Por que é que não devo ser levado a sério? Qual a razão por que não se leva a sério um militante que sempre se empenhou, que pretende contribuir positivamente com ideias? Não temo nada, porque quem teme nunca alcança, e a sorte protege os audazes".

Na sua página na Internet, www.nunomiguelhenriques.com , apresenta-se como consultor e assessor de imagem e protocolo, como professor, conferencista, "diseur" de poesia, autor e encenador de teatro, com onze CD de poesia editados.

psd nuno miguel henriques passos coelho
Ver comentários