Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
8

Défice de 2009 "um bocadinho acima" de 8,7 %

O líder parlamentar do PSD, Aguiar-Branco, afirmou esta segunda-feira que o défice para 2009 deverá ficar "um bocadinho acima" dos 8,7 por cento e que as previsões do défice para 2010 apontam para 8 a 8,3 por cento.
25 de Janeiro de 2010 às 13:24
Aguiar-Branco avisa: Sustentar acusação
Aguiar-Branco avisa: Sustentar acusação
Estes terão sido os valores que o Governo colocou em cima da mesa durante as negociações com o PSD e o CDS-PP. À entrada para a reunião com o Governo, o também vice-presidente do PSD esperava ver confirmadas as "boas indicações" dadas pelo Executivo nos encontros de fim-de-semana. Sem antecipar a abstenção, os sociais-democratas estão a trabalhar nesse cenário como sentido de voto do Orçamento na generalidade.
O tema da revisão da lei de Finanças Regionais é um assunto "à margem" do Orçamento para o líder parlamentar do PSD, mas as reuniões realizadas esta manhã também serviram para o Governo abordar o dossiê. As alterações à lei são fracturantes no processo de negociação e incómodas para o CDS-PP. O PSD também não tem tarefa fácil, porque os deputados da Madeira querem a votação da lei resolvida até dia 28.  
Esta tarde há conselho de ministros e o ministro das Finanças explicará algumas das linhas gerais do Orçamento de Estado para 2010 e "questões políticas de grande significado", conforme referiu o ministro dos Assuntos Parlamentares, Jorge Lacão.
A revisão da Lei de Finanças Regionais deverá ser uma das questões incontornáveis, uma vez que, o Governo já disse por três vezes que não aceita alterar a legislação. Facto que já levou o deputado do PSD, Guilherme Silva, a indignar-se, a falar em "revanche política" do Executivo.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)